sexta-feira, 4 de maio de 2012


'Olhe, não fique assim não, vai passar. Eu sei que dói. É horrível. Eu sei que parece que você não vai agüentar, mas agüenta. Sei que parece que vai explodir, mas não explode. Sei que dá vontade de abrir um zíper nas costas e sair do corpo porque dentro da gente, nesse momento, não é um bom lugar para se estar.(Fernando Pessoa escreveu, num momento parecido, "hoje não há mendigo que eu não inveje só por não ser eu"). Dor é assim mesmo, arde, depois passa. A gente acha que não vai agüentar, mas agüenta: as dores da vida. A sua dor agora, essa fogueira na sua barriga, essa sensação de que pegaram sua traquéia e seu estômago e torceram como uma toalha molhada, isso tudo - é difícil de acreditar, eu sei - vai virar só uma memória, um pequeno ponto negro diluído num imenso mar de memórias. Quando você for ver, passou. Agora não dá mesmo pra ser feliz. É impossível. Porque pra viver de verdade a gente tem que quebrar a cara. Tem que tentar e não conseguir. Achar que vai dar e ver que não deu. Querer muito e não alcançar. Ter e perder. Tem que ter coragem de olhar no fundo dos olhos de alguém que a gente ama e dizer uma coisa terrível, mas que tem que ser dita. Tem que ter coragem de olhar no fundo dos olhos de alguém que a gente ama e ouvir uma coisa terrível, que tem que ser ouvida. A vida é incontornável. A gente perde, leva porrada, é passado pra trás, cai. Dói, ai, eu sei como dói. Mas passa. Tá vendo a felicidade ali na frente? Não, você não tá vendo, porque tem uma montanha de dor na frente. Continue andando. Você vai subir, vai sentir frio lá em cima, cansaço. Vai querer desistir, mas não vai desistir, porque você é forte e porque depois do topo a montanha começa a diminuir e o único jeito de deixá-la pra trás é continuar andando. Você vai ser feliz. '

 Uma amiga minha me mandou esse texto no ano passado por motivo diverso do que eu estou postando aqui hoje. Ele serve do mesmo jeito, acredite.

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Ah, o Sol

Hoje, mais do que nunca, eu descobri que existem várias formas de ser ver o amanhecer do dia.

domingo, 25 de março de 2012

Four months


"Quem consegue encontrar alguém assim, alguém a quem abraçar e com quem fechar os olhos para o mundo, é uma pessoa de sorte." 
                                                     (O nome do vento - Patrick Rothfuss)


quinta-feira, 8 de março de 2012

A minha D40!

Meu mais novo brinquedo!





Na verdade eu já to com essa Nikon tem um tempinho, mas só por agora eu decidi pegar mesmo ela e sair futucando pra ver se aprendo a mexer! Acho que vou terminar fazendo uma aulas com a Gabi pra ver se a coisa melhora! Semana de prova batendo na porta, então a coisa vai esquentar, mas vou ver se quando passar o estresse eu posto aqui outras fotos que eu tirei com ela :B 










Thaís

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

I will try to fix you


Esses dias eu ando bem mais musical que o normal, então vamos com mais uma música!

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

First One

E quanto mais dizem que não gostam dela, mais eu adoro *-*


Pra variar eu to viciada em alguma música da Adele e nada melhor que o primeiro post do ano seja uma música dela! Depois de Rolling in the deep,  Someone like you e Set fire to the rain a vez é de One and Only:





Feliz 2012!

Thaís